Connecting Software expands to new office

JM Madeira

17. 17 de setembro de 2021

Com sede na Áustria, a empresa foi surpreendida pelos resultados e estreia o seu novo escritório na Região nesta sexta-feira.

O Connecting Software está presente em quatro países e escolheu a Madeira, há três anos, para criar um núcleo para os seus escritórios principais. Com sede na Áustria, a empresa foi surpreendida pelos resultados, já criou 20 postos de trabalho, e abre esta sexta-feira o seu novo escritório na Região, em Santo António. "Inicialmente, a abertura do hub na Madeira não teve a pretensão de expandir, mas ficámos surpreendidos com os resultados. Com a expansão dos negócios, sentimos a necessidade de ir para um lugar maior onde pudéssemos acomodar mais companheiros de equipe à nossa crescente equipe", diz Thomas Berndorfer, CEO da empresa.

A empresa de software desenvolve soluções, também usando tecnologia blockchain, e foi premiada na semana passada com um prêmio internacional pelo seu Selo CB Blockchain para o SharePoint, uma solução que permite provar "a autenticidade dos dados digitais facilmente" e que "evita que o documento seja selado digitalmente seja manipulado secretamente".

"Esta tecnologia pode ser utilizada pelo sector público, por exemplo, para provar uma propriedade imobiliária, proteger dados, documentos ou informações contra manipulações não autorizadas. Ou então, no setor privado, ela pode selar digitalmente faturas, cheques de pagamento, contratos, documentos de propriedade intelectual", diz Thomas Berndorfer.

Connecting Software aproveitou os benefícios do Centro Internacional de Negócios (CINM) que, sob a perspectiva do CEO, constitui um forte incentivo para as empresas internacionais.

A empresa está presente em quatro países e quer continuar a aposta na Região, onde já criou 20 postos de trabalho.

"Os benefícios fiscais são uma vantagem para as empresas, há a criação de postos de trabalho e a avaliação do capital na Madeira. Se não fosse por esta iniciativa, provavelmente não seria o que é hoje", conclui.

Actualmente, com 20 empregados, a empresa austríaca procura atingir 50 empregados na Região nos próximos anos.